Publicado em

O fisiologista no futebol e os treinos semanais

O fisiologista possui um papel fundamental na construção da dinâmica de cargas em uma semana de treinamento no futebol, seja a semana com um ou mais jogos. Como discutido em textos anteriores, quantificar, monitorar e controlar as cargas dos atletas são funções inerentes ao fisiologista. No entanto, além dessas funções, o fisiologista auxilia a preparação física e a comissão técnica no planejamento de cargas que serão impostas em cada dia da semana.  Nesse texto, discutiremos como o ocorre essa relação entre preparação física e fisiologia no planejamento de treinos em cada dia da semana.

Cargas de trabalho e os dias da semana

As cargas de treino no futebol variam conforme os dias da semana. Consideramos dois fatores para selecionar o que devemos trabalhar em cada dia da semana, são eles: o dia do jogo anterior e o dia do próximo jogo. Assim, selecionamos os dias em que as cargas serão de recuperação, manutenção ou aquisição.

Na imagem abaixo vamos observar a dinâmica de cargas em duas situações. Em primeiro lugar, consideraremos uma semana cheia para treinamentos, com jogos apenas nos finais de semana. Em segundo lugar, exemplificaremos a semana com menos treinos, pois há dois jogos nesse período, sendo um no final de semana e outro no meio da semana.

Fonte: criado pelo autor

Podemos perceber que existe uma diferença entre a natureza das cargas de treino considerando essas duas situações. Neste sentido, o fisiologista tem o papel de determinar o volume e intensidade de cada dia de treino, buscando obter um ótimo nível de performance e recuperação dos atletas.

Fisiologista e as capacidades físicas

Além do volume e intensidade das sessões, no microciclo são selecionadas as capacidades físicas que devemos enfatizar em cada treino com natureza aquisitiva. Por exemplo, é comum fragmentar as sessões de aquisição em força, resistência e velocidade. Dessa forma, o fisiologista deve monitorar os atletas para entender se as exigências de carga externa atingiram o planejado para cada um deles, nos diferentes dias. Em casos de não obtenção do planejado, algumas decisões são tomadas, buscando realizar exercícios que são complementos físicos para atingir aquilo que foi estipulado.

Na imagem abaixo observamos os dias de treino e as capacidades físicas que são enfatizadas conforme o jogo anterior e próximo jogo. No primeiro gráfico há somente jogos aos domingos, já no segundo gráfico há jogos tanto nos finais de semana como no meio de semana. Como podemos observar, em cada dia da semana é visado uma capacidade física diferente. Além disso, as cargas variarão conforme o número de jogos na semana.

Fonte: Artigo publicado em 2020

Fisiologista no futebol

Por fim, o fisiologista deve ser figura presente no planejamento semanal das equipes de futebol. Sua presença no planejamento dos treinos irá auxiliar os preparadores físicos e treinadores. Como resultado, isso se refletirá na recuperação dos atletas, na manutenção do estado ótimo de desempenho e na redução do número de lesões na equipe. Isso porque a aplicação correta das cargas de treinos diárias podem “proteger” os atletas de situações de alto risco durante a temporada competitiva.

Confira abaixo um episódio do Podcast sobre o assunto:

Contato do Autor:
E-mail: diegoaugustoufs@gmail.com
Instagram: @augustsdiego